Ensaios Femininos: o que está por trás dos retratos femininos

alex_stoppa_retratos_femininos_natalia-2-2

Meu objetivo com esses textos é dizer sobre minha forma de trabalhar e conduzir todo o processo fotográfico que envolve os retratos – ensaios femininos – que realizo. É uma maneira de dar mais clareza sobre minha postura profissional e a linha que sigo.

PRELIMINARES

Fazer retratos femininos é sempre um desafio para mim, porque, minha visão da fotografia vai muito além de uma questão técnica e de um registro. Não que esses não sejam aspectos importantes. São essenciais. Mas, antes de mais nada, é preciso haver um respeito profundo por essas pessoas que me procuram, ter sensibilidade para entender os questionamentos, os conflitos pessoais, a relação que têm consigo. Cada mulher tem expectativas diferentes, traz uma inquietação que é sua, tem uma história, uma relação diferente com sua beleza, seu feminino. E, cabe a mim e minha equipe, captar esses aspectos e realizar um trabalho, sério, coerente e personalizado.

E como fazer isso? O primeiro passo é saber ouvir, estar atento ao que as mulheres dizem. E elas dizem as coisas de diferentes formas. Através da fala, em conversas presenciais ou não, através do modo como se portam, dos seus trejeitos, suas percepções sobre outras pessoas, seu modo de sentar, de vestir. Cada gesto, cada palavra, cada aspecto é significativo. Mas também, pelas leituras que fazem, pelos referenciais que possuem, as músicas que apreciam.

alexstoppa_retrato_feminino_ingred_0179

A partir daí tento mergulhar no universo dessa mulher: leio e releio os questionários que respondem; ouço suas músicas preferidas, leio livros que estão lendo, agendo novas reuniões, se necessário etc. Porque é isso que irá me permitir definir um projeto fotográfico com que ela realmente crie uma identificação, que seja significativo e consistente – porque baseado em um conceito forte.

A SESSÃO DE FOTOS

Um primeiro cuidado que tenho é de sempre fotografar acompanhado de uma assistente. Além de auxiliar na montagem de equipamentos, posicionamento das luzes, ela ajuda a modelo na organização das suas coisas, a colocar alguma peça de roupa, fica atenta a detalhes de maquiagem, cabelo, preocupa-se com a alimentação e hidratação dela etc. Por mais que eu me inteire sobre o universo feminino, confesso que ainda desconheço muitas coisas. Uma mulher sempre vai ser melhor que eu para ajudar outra. Além disso, entendo que a presença da assistente deixa a mulher mais a vontade. E o contato da cliente com minha equipe se inicia logo que ela vai ao estúdio pela primeira vez. Então, já há uma familiaridade entre elas.

A locação e a luz seguem a linha conceitual de cada ensaio. Não há uma definição prévia. As fotos podem acontecer no estúdio, na residência da pessoa ou em outro local. Mas, se escolhemos uma locação externa como uma pousada ou hotel, por exemplo, sempre temos o cuidado de olhar a privacidade do lugar, de forma que a mulher se sinta realmente confortável e tranquila durante a sessão.

Já roupas, acessórios, lingeries vão variar de acordo com aquilo que cada mulher aprecia, se sente confortável e a faz se sentir mais bonita.

alex_stoppa_retratos_femininos_luisa-4-4

Da mesma forma, entendo que a make deve ser feita respeitando a personalidade e os objetivos com as fotos. Volto a dizer, quem trabalha com retratos femininos deve sempre prezar pelo respeito, cuidado e ter muita sensibilidade e compromisso.

alexstoppa_retrato_feminino_cat_0089

E o momento do click? Não vou mentir aqui e dizer que é tranquilo, desde o início. Claro que não. Se a pessoa não está acostumada com algo, leva um tempo até que se sinta a vontade. E cabe a mim respeitar o tempo de cada uma e buscar formas de vencer a barreira da timidez, de um certo desconforto. Meu objetivo é fazer com que a mulher esqueça que está em uma sessão de fotos e relaxe, curta o processo, divirta, se entregue, no sentido de viver intensamente um momento que é dela.

E uma dúvida ou inquietação muito comum das mulheres é se vão precisar tirar a roupa, ficar nuas. Aqui, cabe um esclarecimento importante, o que faço são retratos femininos e isso, para mim, não é sinônimo de nudez. Tem a ver com postura, com sentir-se bem, admirar-se. A beleza pode estar no olhar, no jeito de mexer no cabelo, em um sorriso ou num movimento tímido dos lábios. Pode estar na forma de andar, na maneira como repousa as mãos sobre as pernas e uma infinidade de outros aspectos. Porque a beleza das fotos está no como aquela pessoa vive e expressa sua feminilidade.

 alexstoppa_retrato_feminino_ingred_55647

SEGURANÇA

Outro cuidado muito importante que temos é com a segurança das imagens que captamos. Além de proteger nosso sistema, todos os arquivos são criptografados e só permaneço com as fotos por um período determinado e estabelecido em contrato, como forma de garantir ainda mais a privacidade das mulheres.

Caso a mulher decida fazer um álbum, acompanho pessoalmente o processo e trabalho com empresas sérias e cuidadosas. E uma outra responsabilidade enorme que temos é com as fotos que vão para nosso site. Só disponibilizamos imagens de mulheres que nos autorizaram, em contrato, a fazê-lo.

alex_stoppa_feminino_narciso-2

Espero com esse texto ter colaborado para esclarecer um pouco mais sobre nossa conduta e forma de trabalho! E, se tiver interesse, teremos um prazer enorme em recebê-la!

Ensaios Femininos – Luísa: tão linda e tão perfeita!

alex_stoppa_retratos_femininos_luisa-14-14

Quando eu digo, muita gente me questiona, mas raramente uso photoshop nos ensaios femininos que produzo. Isso é ser ultrapassado? É por desconhecimento da ferramenta? Nada disso. É minha forma de ser o mais honesto possível com as mulheres que me contratam e com o que eu acredito. Veja bem, meu trabalho tem como objetivo mostrar a uma mulher o quanto ela é bonita e única. Sendo assim, que sentido faria apagar celulites, retirar as rugas, suavizar marcas de expressão, reduzir os seios, aumentar os glúteos ou emagrecê-la???

alex_stoppa_retratos_femininos_luisa-13-13

Se eu faço isso, estou enganando essa mulher. Pior: é como se eu dissesse que ela não é bonita e que precisa ser retocada para ficar bem. A fotografia, para mim, é uma forma de captar a beleza e essência de uma mulher, valorizando seus atributos, destacando o que ela mais gosta, sem se seja necessário apagar nada – mesmo que a cliente peça, pelo amor de Deus para você “dar um jeito nela no Photoshop”.

O que faço é bem diferente de uma publicidade, por exemplo, que visa produzir um efeito de convencimento para o consumo de determinado bem ou serviço… A propaganda não me apresenta a Carla, a Joana, a Sabrina… ela me apresenta um modelo de mulher, um perfil X ou Y. E, se dentro desse perfil, as estrias não são bem vindas, mas a modelo as tem, o photoshop se torna super útil. E é uma ferramenta fantástica.

alex_stoppa_retratos_femininos_luisa-4-4

Mas, o meu foco é a mulher que me contrata. É pra ela que o ensaio feminino é feito e é ela que tem que ficar satisfeita. E tenho certeza de que o que essa mulher espera não é um protótipo, um modelo, mas ela mesma, linda exatamente como é. E, se há algo no corpo dela a incomoda, cabe a mim dirigi-la , enquadrá-la e construir uma luz que valorize e chame a atenção para os seus atributos e os aspectos que mais gosta.

E a lindíssima moça que aparece nas fotos desse post é meu maior exemplo de como isso é possível. Quando a Luísa fez esse ensaio, tinha passado por uma cirurgia de redução de estomâgo e já havia perdido muito peso. Só que ela ainda não tinha feito a retirada do excesso de pele que ficou. E ela não queria esperar. E por que deveria? Ela estava se sentindo extremamente bonita, estava super bem consigo, com a autoestima nas alturas. Certamente, o excesso de pele gerava um certo incômodo, porque ela via isso como algo provisório. Mas, era um mero detalhe diante de uma mulher tão linda e deslumbrante.

  alex_stoppa_retratos_femininos_luisa-7-7

E o que eu fiz? Exatamente o que ela buscava. Mostrei à Luisa o quanto ela é linda, suave, sexy e apaixonante. E fiz isso sem precisar mostrar o que não a agradava e melhor: sem que ninguém percebesse que esse algo existia. Quem vê as fotos não enxerga qualquer defeito na Lu. Só enxerga o quanto ela é plena e consciente de sua beleza. E me dá enorme satisfação quando penso que, toda vez que revisitar essas fotos, ela vai saber que aquela é ela verdadeiramente que está ali.

E OLHA O DEPOIMENTO DA LUÍSA:

Participar de um ensaio fotográfico com Alex foi uma experiência única, algo que definitivamente influenciou a minha maneira de me enxergar como mulher, me perceber, minha autoestima, etc.

Alex me mostrou a beleza existente em todas as mulheres, inclusive em mim, o que pode ser facilmente percebido através de suas lindíssimas fotos. A beleza feminina é única e espetacular, contida na essência e nas singularidades de cada uma de nós.

Os padrões de beleza opressores sob os quais vivemos tentam moldar um modelo único de mulher bela: branca, alta, magra, cabelo liso. O trabalho de Alex é também político na medida em que ajuda a desconstruir a beleza padronizada. Através de suas lentes, na contramão do padrão capa de revista, me descobri uma Luísa mais confortável consigo mesma, mais feliz com seu corpo e mais foda-se para beleza padronizada.

Tenho certeza que a fotografia de Alex foi transformadora nesse sentido para tantas outras mulheres, como foi para mim. E por isso, querido Alex, meu muito obrigada !”

Ensaios Femininos – Ensaio Ares

Stoppa_Fotografia_joias_Gisele_0052

Sempre me vejo aprendendo um pouco mais sobre o universo feminino a cada ensaio que faço. Não me canso de repetir que toda mulher é linda, única e especial. E, para se sentir assim, algumas buscam roupas que valorizem partes do corpo que gostam mais; fazem uma make que consideram arrasadora; escolhem um sapato que as deixe se sentindo mais poderosa, sedutora (ainda que o preço disso sejam bolhas e pés latejando ao final do dia); alisam os cabelos ou fazem cachos, fazem procedimentos estéticos, desde receitas caseiras a cirurgias plásticas. E antes que digam que essas mulheres são artificias, eu digo que elas se gostam.

Claro que existem pessoas que não precisam de nenhum recurso externo para gostarem de si. E não há nada de errado nisso. Claro que não! Do mesmo modo que não é errado buscar algo que dê mais segurança, faça se sentir mais confiante e bonita. E uma coisa que sempre me chama a atenção é como os acessórios escolhidos para o ensaio contribuem para esse “admirar-se”. A mulher se transforma com o simples ato de trocar um brinco pequeno por argolas ou por um modelo que alongue o pescoço. Do mesmo modo, há colares que a fazem se sentir mais séria, que conferem um ar de mistério ou que desviam intecionalmente os olhares para seu colo. Isso sem falar dos anéis, prendedores de cabelo, piercings e por aí vai.

Stoppa_Fotografia_joias_Gisele_0034

Foi pensando nisso que eu e minha equipe lançamos o ensaio feminino: Ares. Inspirados nos quatro elementos, buscamos no “vento” nossa principal referência. E contamos com a parceria do Marina Sepúlveda Ateliê que forneceu todos os brincos, colares, pulseiras e anéis! Além é claro, da linda Giselle Duarte. Nosso intuito foi mostrar como os acessórios, os adereços que a mulher escolhe, a deixam mais radiante, mais dona de si – porque é assim que ela se sente e é assim que quer ser vista.

Por isso a escolha da nossa modelo foi fundamental. Sabe por quê? Porque a Giselle não é uma modelo profissional, não trabalha diante de flashs e câmeras. É dona de uma timidez encantadora. Extremamente educada, de voz macia e baixinha. E muito doce! E a mulher poderosa que vemos nas fotos? Ela não existe de verdade? Existe!!!! E não é fruto de uma montagem, de poses forçadas e de uma produção específica. Ela está ali e se revela a medida que a maquiagem, a roupa e os acessórios reforçam, para ela, sua beleza! Por isso o resultado ficou tão perfeito, tão autêntico!

Stoppa_Fotografia_joias_Gisele_00241

Stoppa_Fotografia_joias_Gisele_0017

Portanto, se você deseja fazer um ensaio fotográfico, lembre-se disso. Opte sempre por aquilo que te faz se sentir bem! Linda você já é!

Gostaria de agradecer:

A modelo Giselle Duarte, Ao Marina Sepúlveda Ateliê, e a equipe do estúdio Elba Rocha, Marina Cunha, Rafael Mayrink e Vanessa Lacerda.

Muito Obrigado, Alex Stoppa!

Ensaios Femininos – Projeto Narciso

alex_stoppa_feminino_narciso-23

O  Projeto Narciso surgiu de uma inquietação minha sobre a maneira como a nossa sociedade procura impor um padrão de beleza às mulheres. Nesse sentido, elas acabam não tendo voz e lugar para falar sobre a maneira como elas se vêem, sobre como enxergam sua beleza, sobre como se sentem belas e apaixonadas por elas mesmas e até mesmo como são as suas inseguranças, independente de qualquer padrão cultural.

E é exatamente isso que eu pretendo! O projeto Narciso tem como proposta evidenciar diferentes formas da beleza feminina, tendo como foco o olhar próprio das mulheres retratadas. Trata-se de captar a essência daquilo que elas admiram em si, da forma como se gostam, do modo como se vêem e como querem ser vistas e contempladas.

Com inspiração na figura de Narciso, personagem da mitologia grega, a ideia é instigar as mulheres a se olharem e encararem os reflexos de suas figuras projetados no espaço do estúdio (seja pelo espelho posicionado à sua frente ou pela superfície refletiva sobre a qual se posicionam). E, com isso, levá-las a desenvolverem a mesma admiração e processo de auto contemplação que Narciso tinha ao ver sua imagem refletida nas águas.

O que se objetiva, portanto, é distanciar-se de um processo fotográfico em que a beleza da mulher se constrói e se revela pelo olhar do outro e ter o cuidado e a delicadeza de respeitar a individualidade de cada uma, suas vontades e suas percepções, independente de qualquer julgamento externo. E se, em algum momento, o olhar do outro se evidenciar nas imagens, que seja um olhar trazido por aquela mulher, porque ela assim deseja.

Stoppa_Fotografia_Projeto_Narciso_Pri_0022

Stoppa_Fotografia_Projeto_Narciso_Thalita_0039

Stoppa_Fotografia_Narciso_Xina_0001

Stoppa_Fotografia_Projeto_Narciso_Marina_0033

Stoppa_Fotografia_Projeto_Narciso_Stefane_0008

Stoppa_Fotografia_Narciso_Gabriela_0043

Stoppa_Fotografia_Narciso_Luana_0020

Stoppa_Fotografia_Projeto_Narciso_Silvia_0009

Stoppa_Fotografia_Projeto_Narciso_Rayanne_0022

Stoppa_Fotografia_Projeto_Narciso_Paty_0006

Stoppa_Fotografia_Projeto_Narciso_Elba_0012

Stoppa_Fotografia_Projeto_Narciso_Mariana_0019

Stoppa_Fotografia_Narciso_Bruna_0028

Stoppa_Fotografia_Narciso_Bia_Cruz_0010

Stoppa_Fotografia_Narciso_Bia_0001

Stoppa_Fotografia_Narciso_Georgia_0002

“…NEM SEMPRE O SE VER SE TRADUZ EM ENCANTAMENTO …”

Além de todas as peculiaridades descobertas e apresentadas no Projeto Narciso, ele mostrou como tudo também tem o seu outro lado. Nem sempre o “se ver” se traduz em encantamento, em aceitação, em certeza de que a beleza é própria de cada mulher. E quando isso acontece, a imagem refletida borra a beleza essencial dela mesma.

Esta foto, diferente das demais do Projeto Narciso, representa a inquietação de uma das fotografadas. Por questões pessoais, ela não se enxergou nas imagens e não se sentiu bem com o resultado. E isso nos fez lembrar do quão difícil é esse processo de enxergar-se bela, independente do que digam os outros olhares e os fortes padrões.

Stoppa_Fotografia_Narciso_0001

AUTOR DO PROJETO, PESQUISA, DIREÇÃO DE ARTE, FOTOGRAFIA: ALEX STOPPA
PESQUISA, PRODUÇÃO: MARINA CUNHA, VANESSA LACERDA
DIREÇÃO DE ARTE, PRODUÇÃO CONCEITUAL, PESQUISA, COMPOSIÇÃO POÉTICA: FERNANDA LIBERATO

MODELOS: ALEIXINA MARIA, ANNA BEATRIZ, BEATRIZ GOMES, BRUNA CHIARADIA, ELBA ROCHA, GABRIELA DOS SANTOS, GEORGIA PRISCILA, LUANA CAROLINA, MARIA FERNANDA, MARIANA BRAGA, MARINA RAQUEL, NÁRRIMA ALCANTARA, PATRICIA SOARES, PRISCILA SORES, RAYANNE ABRANCHES, SILVIA LIBERATO, STÉFANE DANIANE, THALITA BRAGA.